Torcida do Ceará não fala palavrões e nem bebe álcool: conheça a Ceará Gospel

Reportagem de Lyvia Rocha

A torcida “Ceará Gospel” surgiu neste ano, e chama atenção por um comportamento diferente das outras torcidas.

ceará gospel

Fundada em janeiro deste ano, a torcida “Ceará Gospel” chegou para quebrar paradigmas e clichês dentro dos estádios de futebol e no jeito de torcer. A ideia surgiu de Josepson Lima, que através de grupos de WhatsApp conseguiu reunir pessoas com o mesmo intuito: torcer pelo Ceará e levar a palavra de Deus aos estádios.

O fundador fala que a torcida surgiu pelo diferencial dos princípios cristãos. “Eu tentei me engajar em outras torcidas, mas como sou cristão não consegui. Era muito complicado nas torcidas, pois todos têm relação com bebidas alcoólicas, e também outros costumes que não condizem com meu pensamento, por isso criei a Ceará gospel”‘, afirma.

As redes sociais são grandes aliadas para expandir a torcida e a ideia cristã. “Nós já temos Fan Page, grupos de WhatsApp com cerca de 50 integrantes. Estamos começando agora e nos organizando”, afirma o fundador.

Como uma torcida boa que se preze, a torcida gospel também tem faixas. A diferença realmente é o conteúdo inserido nas letras, como: “Jesus te ama”. Palavras de baixo calão? Nem pensar. “Palavrão não, só apoio, e abençoando o juiz”, brinca o criador da torcida.

ceará gospel

A Ceará Gospel na sua maioria é formada por evangélicos, porém todas as religiões são bem-vindas, como afirma Jospeson. “Nós queremos pessoas de todas as religiões. Sem preconceitos. Na verdade o que buscamos são pessoas que querem torcer em paz”, afirma.

O amor pelo Ceará é dividido pelo amor a Cristo. Isso porque se o horário do jogo coincidir com a hora do culto fica complicado para o torcedor cristão. “Não vamos a todos os jogos, pois temos os cultos para ir e louvar a Deus. Além disso, temos os compromisso particulares, mas dependendo do horário da partida nós vamos sim”, explica.

Josepson disse que muitos ainda não conhecem a torcida, mas que aos poucos as pessoas estão identificando nos estádios. “Temos duas faixas, mas no dia 2 de junho, aniversário do clube, levei uma maior que chamou atenção de várias pessoas e acabou causando a curiosidade de outros torcedores”, exaltou.ceará gospel

ceará gospel

Fonte: Tribuna do Ceará

Compartilhe a zoeira

Comentários

Comentários

Você pode gostar...